IGUAÍ: QUEIMADAS ATINGE SERRA DO OURO; SITUAÇÃO ESTÁ CONTROLADA

No último domingo (30/05) um incêndio de proporção média, atingiu parte da Área de Proteção Ambiental – Serra do Ouro no município de Iguaí, Sudoeste da Bahia, uma área de preservação ambiental que há anos não sofre pelas queimadas.

Após conhecimento dos fatos, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Iguaí acionou imediatamente o INEMA – Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos de Vitória da Conquista e o 4º Grupamento de Bombeiros Militar – 4º GBM – Comandante: TEN CEL BM – Manfredo Silva Santana da cidade de Itabuna, ambos se colocaram a disposição para apurar os fatos e combater o incêndio.

Segundo a Secretaria de Meio Ambiente as altas temperaturas e os ventos fortes contribuíram para que as chamas subissem para a serra e ameaçasse a área de preservação, destruindo boa parte da área do Cruzeiro e do Cristo que foi queimada quase em sua totalidade. A área do Cruzeiro é um local onde anualmente é realizada a Romaria Católica.

O Gestor da APA e Fiscal do INEMA – Jean Gusmão esteve no local para realização da perícia e identificação das reais causas que deram inicio ao fogo. Após a conclusão dos trabalhos e causas apuradas, em caso de incêndio criminoso, os envolvidos serão processados criminalmente e responderão perante a Justiça.

Segundo o Secretário de Meio Ambiente, Roberto Macedo “A área atingida é uma área preservada há bastante tempo, o que acaba agravando a situação das chamas, por causa do acúmulo de combustível de biomassa – que é formado por restos de plantas, cascas de frutas, madeiras e derivados. Apesar da gravidade da situação, as chamas que atingiram a Serra do Ouro já estão controladas”, explica ele.

Da Redação/Fonte de Beber Água